Delícias da Língua 4

Serélia

Aquário era, originalmente, um espaço cheio de água (do latim aqua).

Piscina, um lugar cheio de peixes, ou onde se criavam peixes (do latim piscis).

Por quais caminhos linguísticos a piscina virou aquário e o aquário virou piscina é algo que sempre me intrigou. Afinal, as piscinas atuais, como conhecemos, causariam certo horror se contivessem piscis. Já os aquários são habitualmente povoados por estes escamosos seres sem que isso cause espanto. Mas se alguém resolver tomar banho num aquário…

Uma sereia numa piscina tornaria essa antinomia mais aceitável?

Anúncios

4 Responses to “Delícias da Língua 4”


  1. 1 João Barreto 20/03/2008 às 5:54 pm

    uma sereia seria mais etimologicamente correto, digamos 😉

  2. 2 Hugo Brasil 21/03/2008 às 6:01 am

    Aceitavel não sei. Musicalmente com certeza.

  3. 3 Daniel Brazil 21/03/2008 às 10:21 am

    Aliás, sereia se presta a outras aproximações deliciosas. Sirena, sirene, serena, serenídeo… O peixe-boi é um sirênio, ou seja, da família das sereias. Família linguística, claro.
    Ou uma sereia gorda e velha fica daquele jeito?

  4. 4 Deise 31/03/2008 às 9:08 pm

    Ah! Aí está a Serélia…
    Falta o resto dos desenhos tão encantadores.
    Beijos!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s




Arquivos

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: