O mar Tirreno

Janela

Viver no alto, vendo o Mediterrâneo de longe. Esta era a vida dos habitantes de Erice, em priscas eras. Ir à praia dava um trabalhão.

IMG_1646

Imagine descer uma trilha dessas, dar um mergulho, e voltar com o maiô cheio de areia. Se é que se usava maiô na Idade Média…

Como sou um ser do século XXI, a coisa ficou um pouco mais fácil. Depois de dois dias vendo o Mediterrâneo de longe, programamos um mergulho numa das praias mais badaladas da Sicília: San Vito Lo Capo.

Tá, sei que vai rolar piadinha sobre um santo siciliano ter “capo” no nome, mas a praia é realmente agradável (no verão). Água transparente, temperatura “de banho”. O diferencial para as praias brasileiras é o cenário. O recorte vulcânico das falésias, com pouquíssima vegetação, é típicamente mediterrâneo.

IMG_1699

Na areia, a estrutura de uma praia “urbanizada”, estilo Guarujá. Ficamos até o anoitecer, olhando pro horizonte e tentando ver as girafas no Norte da África. Não vimos nada, nem depois de várias birras. Descobri depois que só existe girafa no Sul da África…

SanVitoLoCapo

Voltar a Erice ao cair da noite, mesmo com o maiô cheio de areia, é outra experiência visual deslumbrante. Coisa de ficar sonhando. Partimos na manhã seguinte para uma travessia até o outro lado da Sicilia, passando por Palermo. Mas Erice vai ficar aqui dentro, por muito tempo…

IMG_1719

(Próxima parada, Siracusa!)

Anúncios

3 Responses to “O mar Tirreno”


  1. 1 paulow 18/09/2009 às 1:19 pm

    Vai Johnny Weissmuller a caminho da áfrica !!!

  2. 2 Daniel Brazil 18/09/2009 às 2:25 pm

    He he, um dia chego lá! (África, não Weissmuller…)

  3. 3 Carmen 19/09/2009 às 2:16 pm

    Voltar pra casa com maiô cheio de areia, nessas praias urbanizadas, é opção do freguês (ou do bolso do freguês): todas tem cabine-vestiário-guarda-trecos e chuveiro para banho.

    Tive a oportunidade de ir a outra praia (enquanto Daniel estava em Paris), essa com um dos maiores templos/cidade gregos no fundo (Selinunte, vejam fotos no google, não dá pra colocar no post) e os chuveiros eram fantásticos!

    Tem suas vantagens, mas não troco pelo ar selvagem que ainda resta em muitos pontos do nosso litoral!

    A registrar, sem dúvida, o fantástico azul-profundo do mediterrâneo…

    Ver as fotos já me deu saudades!
    Carmen


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: