Um novo ano

Não escrevo no Fósforo há tempos. Período de festas, Natal em Campos do Jordão, réveillon na Ilhabela e vários dias de agitação. Visita da filha, de irmãos e primas. Casa cheia e muita chuva. Esta semana retomei o romance, que parece dar cada vez mais trabalho à medida que chega ao final. Depois dessa voltarei com alegria às histórias curtas, que me dão mais prazer e menos cansaço.

Não deixei de ler nesse período. De novembro pra cá passei pelos Três Contos do Flaubert, me emocionei com os Dois Irmãos do Hatoum, atravessei com certa dificuldade o Coração Selvagem da Clarice, estou às voltas com o Lobo Antunes. Li até o livro premiado do Edney Silvestre, cujo belo final redime algumas inconsistências do enredo. Aqueles dois meninos falando ao mesmo tempo, de forma atropelada, quase me fizeram largar a leitura. É bom ler em diagonal as páginas cheias de travessões e ir aos finalmente.

Chove em 2011. Como chove!

“Aprendi a tratar a solidão como uma companheira que deita aos meus pés abanando o rabo, junto à poltrona de leitura, sem me incomodar com seus ganidos.”

Anúncios

0 Responses to “Um novo ano”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: