Burra Leiteira

Me encantei com o nome desse barco logo que cheguei a Fernando de Noronha. No dia seguinte aprendi que Burra Leiteira é o nome de uma árvore local (Sapium sceleratum), que produz uma resina cáustica, um leite que provoca queimaduras em contato com a pele.

Quatro dias depois, quando fui mergulhar, a Burra Leiteira tinha chegado de viagem. De Recife a Noronha são 36 horas, sem descanso. E o que você pensa que a Burra Leiteira carrega? Leite?

Não. Cerveja. Centenas de dúzias de cerveja, que são descarregadas no estilo “peão de obra”. Um sujeito no porão atira para o que está no convés, que joga para outro, para outro, até chegar ao caminhão parado no cais. Um trabalho fundamental para a sobrevivência da ilha!

PS: A Burra Leiteira tem uma irmã gêmea, que aparece na segunda foto. Mesmo assim, não dão conta da sede dos turistas, num verão em que a temperatura chega a 70 graus durante o dia todo. 35 de manhã e 35 à tarde…

Anúncios

2 Responses to “Burra Leiteira”


  1. 1 Antonio Dos Santos Carvalhal 26/08/2011 às 11:10 pm

    gostei da reportagem, interessante.

  2. 2 Daniel Brazil 27/08/2011 às 9:06 pm

    A viagem vale a pena, Carvalhal!


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: